3 de jun de 2013

Projetos Paralelos Mais que Perfeitos

Sempre chega um momento em que queremos tentar uma coisa nova, diferente do que fazemos freqüentemente. Pensar um pouco fora da caixinha, é por esse motivo que sempre surge ótimos projetos paralelos musicais. Sempre que observo um artista já reconhecido seja em uma banda ou em carreira solo tentar algo novo, percebo que o estilo se diferencia do seu comum. Esse é o caso do Rodrigo Amarante do Los Hermanos (amooo) e Pitty que brilha na musica brasileira. 

Chega uma hora em que desejamos algo diferente, tocar com outras pessoas, cantar outras musicas, seja metaforicamente ou literalmente. Quando o Los Hermanos anunciou um hiato por tempo indeterminado (por quê?) imaginou-se que os musicos precisavam de um tempo para se reencontrar. Podemos notar que a musica do Marcelo Camelo, do Rodrigo Amarante e do Los Hermanos são totalmente diferentes. Foi ai que o Little Joy nasceu. Rodrigo Amarante viajou para Los Angeles e lá reencontrou Fabrizio Moretti, baterista dos The Strokes e então conheceram Binki Shapiro. Pouco tempo depois lançaram seu primeiro álbum com estilo indie rock muuuuito doce e gostoso de se ouvir. 

Pode parecer estranho, mas foi através do Little Joy que eu conheci o Los Hermanos, pois me apaixonei pela voz e pela letra do Amarante, depois descobri que ele era ex-hermano, banda da qual já tinha ouvido falar e então me apaixonei totalmente tanto por Little Joy quanto por Los Hermanos. Não vivo sem Unattainable do LJ e Morena, Retrato pra Iaiá e Ultimo Romance (me controlando pra não escrever mais musicas) do LH.




O Agridoce é outro exemplo de que projetos pararelos podem ser totalmente diferentes e totalmente perfeitos ao mesmo tempo. Ele surgiu de uma parceria entre Pitty e Martin e canta exclusivamente musicas no estilo folk (o meu preferido da vida), eu nem amo, né? Eles gravaram o primeiro álbum em 2011 e eu conheci o Agridoce em 2012 quando eu estava super interessada nesse estilo de musica e me aventurava á ouvir todas as bandas que chamassem a minha atenção, foi amor á primeira musica.





Eu não sei bem ao certo quais projetos já acabaram e quais ainda continuam, paralelamente, de pé. Tudo o que eu sei é que queria álbuns novos dos dois e que continuassem na ativa.

Nenhum comentário :

Postar um comentário